Transferência de Titularidade

Onde busco informações sobre o ligamento de água, luz e gás no imóvel que eu aluguei pela iAluga?

 

Sobre este assunto, esclarecemos que a Lei do Inquilinato prevê, no inciso VIII, no seu artigo 23 – Que o LOCATÁRIO é obrigado a: pagar as despesas de Telefone e de consumo de força, luz e gás, água e esgoto.

 

O primeiro ponto é efetivar a transferência de titularidade e deixar todos os encargos no nome do inquilino, água e esgoto, luz e gás. Em um prazo máximo de 07 dias úteis sob pena de multa e até mesmo rescisão contratual. De forma que a dívida decorrente dos serviços de Telefone, energia elétrica, água e esgoto e gás configuram-se como obrigação de caráter pessoal. Ou seja, não acompanha o imóvel, sendo de responsabilidade do real consumidor, no caso de uma locação a figura é do LOCATÁRIO, em nome do qual deve estar vinculado as concessionárias da prestação desse serviço.

 

Para consultar informações a respeito do ligamento de luz e gás, água e esgoto, do imóvel que você alugou através da iAluga, você deve primeiro verificar qual é a empresa responsável pelo fornecimento de luz, gás e água do seu imóvel e entre em contato com ela para verificar qual o procedimento a seguir.

 

LUZ - COPEL – Fone: 0800 51 00 116 (Maringá, Sarandi e Londrina)

 

ÁGUA - SANEPAR – Fone: 0800 200 0115 (Maringá e Londrina)

 

AUTARQUIA ÁGUAS DE SARANDI – Fone: (44) 3664-4870 (Sarandi)

 

GÀS

 

Passo a passo da troca de titularidade do fornecimento de luz da COPEL para pessoa física e pessoa jurídica

 

Você pode solicitar os serviços através da:

 

Unidade de atendimento presencial da Copel

 

Preencha este formulário e apresente juntamente com a documentação relacionada abaixo (levar documentos originais) em uma das unidades de atendimento presencial da Copel.

 

Via e-mail

 

Encaminhe este formulário, preenchido e assinado juntamente com cópia simples da documentação relacionada abaixo, para:

 

PESSOA FÍSICA: atendimento.presencial@copel.com

 

PESSOA JURÍDICA: atendimento@copel.com

 

Obs.: A análise da solicitação e resposta ao consumidor será efetuada em até 1 dia útil para pessoa física e 2 dias úteis para pessoa jurídica.

 

Informações complementares

 

Débitos

 

Todos os débitos (vencidos ou a vencer) da unidade consumidora devem estar quitados.

 

O novo titular não deve possuir débitos vencidos junto à Copel.

 

Caso o débito seja pago, o pedido poderá ser feito por e-mail.

 

Documentação

 

PESSOA FÍSICA

 

Formulário do site assinado pelo consumidor (novo titular) ou por seu procurador.

 

CPF e RG (ou outro documento oficial com foto).

 

Solicitação efetuada por procurador: Enviar procuração pública ou procuração particular com firma reconhecida, RG e CPF do procurador e do novo titular.

 

PESSOA JURÍDICA

 

Formulário do site assinado pelo representante legal da empresa ou por seu procurador.

 

Cartão CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do Estado do Paraná.

 

CICAD (Comprovante de Inscrição Estadual), sempre que houver.

 

Demais documentos constitutivos (contrato social ou equivalente e alterações).

 

RG e CPF (ou outro documento oficial com foto) do representante legal da empresa.

 

Solicitação efetuada por procurador: Além da documentação relacionada acima, enviar procuração pública ou procuração particular com firma reconhecida, RG e CPF do procurador.

 

Observações

 

Órgãos Públicos deverão encaminhar a solicitação via ofício.

 

Quando o endereço constante no cartão CNPJ for divergente do endereço da unidade consumidora, deverá ser apresentado algum documento de vínculo com o imóvel (matrícula do imóvel, escritura pública, contrato de compra e venda, contrato de locação, etc).

 

Poderão ser solicitados documentos adicionais julgados necessários ao atendimento da solicitação.

 

Nas solicitações de troca de titularidade para unidades consumidoras com direito a classificação rural, deve ser enviado um dos seguintes documentos:

 

CAD/PRO - Cadastro de Produtor Rural (comprovante de inscrição ou carteirinha), o titular da unidade consumidora deve constar como titular, associado ou agregado à produção. Será efetuada validação do CAD/PRO no Sintegra, caso o CAD/PRO esteja vencido ou haja alguma irregularidade com a documentação apresentada, não será concedida a classificação rural até que o consumidor regularize; ou

 

Nota Fiscal de Produtor Rural, em nome do titular, preenchida, dentro do prazo de validade e no mesmo município da unidade consumidora; ou

 

Outro documento emitido por órgão oficial, atestando a atividade rural exercida no local.

 

OBS: Para pessoa jurídica, a unidade consumidora será classificada conforme a atividade constante no Cartão CNPJ.

 

Quando o novo titular da unidade consumidora ou algum integrante da família possuir direito ao benefício da tarifa social de energia elétrica, enviar:

 

CPF e Carteira de Identidade ou, na inexistência desta, outro documento de identificação oficial com foto do beneficiário.

 

Cartão Bolsa Família ou comprovante de inscrição do Cadastro Único, onde conste o NIS - Número de Identificação Social, ou

 

Número do Benefício – NB, para quem recebe o Benefício da Prestação Continuada – BPC

 

Prazo para transferência de titularidade

 

O prazo para solicitação de transferência de titularidade junto às concessionárias é de 07 dias úteis contados da data do início do contrato, e de 40 dias para nos enviar o comprovante de troca de titularidade, que pode ser a conta em seu nome ou uma cópia do contrato de adesão junto à empresa concessionária.

 

Cópias de e-mail com protocolo de abertura de transferência de titularidade não asseguram que a transferência foi ou será realizada de fato, portanto, acompanhe a efetivação através do site ou ligando para a própria concessionária, e assim que tiver o comprovante em mão nos envie através do e-mail: encargos@ialuga.com.br

 

E lembre-se, o e-mail-deve ser sempre do inquilino, para que possamos identificá-lo.

 

O que fazer quando eu não consigo solicitar a religação de algum serviço, seja ele água, luz ou gás, porque existem contas pendentes?

 

Entre em contato conosco através do e-mail: encargos@ialuga.com.br

 

Relate através do e-mail quais são os serviços que precisam ser religados e se você estiver de posse das contas que precisam ser pagas nos envie neste e-mail, encargos@ialuga.com.br , em anexo.

 

Nós da iAluga nos preocupamos com o seu bem-estar e de sua família, entraremos em contato com o proprietário do imóvel para que o mesmo faça os pagamentos necessários das contas que estiverem pendentes e assim que estiver tudo regularizado avisaremos você.

 

O que fazer nos casos em que as contas de água, luz e gás, cuja a leitura foi realizada com data anterior à do contrato de locação?

 

Entre em contato conosco através do e-mail: encargos@ialuga.com.br e anexe a conta em questão para que possamos fazer o cálculo proporcional ao dia de início do contrato, assim dividiremos de forma justa os valores que são de sua responsabilidade e os que são de responsabilidade do proprietário, e cobraremos de você o respectivo valor na sua fatura de aluguel, tudo especificado, de forma transparente e segura.

 

Portanto, não efetue o pagamento antes de entrar em contato com a iAluga, para que possamos verificar com o proprietário se a referida conta foi paga ou não.

 

INGRESSANDO NO NOVO LAR

 

Informações sobre o ligamento de luz, gás, água e esgoto.

 

Para consultar informações a respeito do ligamento de luz e gás, água e esgoto, do imóvel que você alugou através da iAluga, você deve primeiro verificar qual é a empresa responsável pelo fornecimento de luz, gás e água do seu imóvel e entre em contato com ela para verificar qual o procedimento a seguir.

 

LUZ - COPEL – Fone: 0800 51 00 116 (Maringá, Sarandi Marialva, Mandaguari, Mandaguaçu, Paiçandu e Londrina)

 

ÁGUA - SANEPAR – Fone: 0800 200 0115 (Maringá, Marialva, Mandaguari, Mandaguaçu, Paiçandu e Londrina)

 

AUTARQUIA ÁGUAS DE SARANDI – Fone: 44 3664 48 70 (Sarandi)

 

OBS: No caso de locação de imóveis em outros estados, o cliente deverá buscar informações dos serviços de utilidade pública (água, luz, esgoto, entre outros) diretamente no site da respectiva empresa concessionária de serviços públicos do estado ou região da localização do imóvel.

 

Data de vigência do contrato de locação

 

A data de vigência do contrato de locação nada mais é do que data de início do contrato de locação, que se dá após a assinatura do contrato e posteriormente o acesso ao imóvel. Considerem acesso ao imóvel a partir do momento da entrega das chaves. Então, a data de vigência de assinatura do contrato de locação não é necessariamente a mesma data de vigência contrato, o contrato passa a valer a partir do momento que a chave é disponibilizada ao inquilino.

 

Acesso às chaves do imóvel

 

O acesso às chaves do imóvel será em até dois dias após a assinatura do contrato, e para apartamentos e condomínios de casa a chave estará disponível na portaria e será entregue a você mediante assinatura de termo de recebimentos das chaves. Para aqueles casos em que não se aceita que as chaves fiquem na portaria dos prédios e demais situações, as chaves serão entregues via um motoboy ou Uber no local e horário que você indicar mediante assinatura do termo de recebimento das chaves. Para indicação do local de entrega das chaves você poderá enviar um e-mail para chaves@ialuga.com.br , ou ligar para o Telefone (44) 3367-8565 ou ainda enviar um WhatsApp para o número (44) 98804-4445.

 

Data de liberação de acesso ao imóvel para limpeza e posterior mudança.

 

O acesso ao imóvel será liberado logo após a data de assinatura do contrato, com a entrega efetiva das chaves, data em que o aluguel e a assistência imobiliária (seguro incêndio) passam a valer. 

 

Agendamento e mudança para o meu novo lar.

 

O inquilino pode se mudar para o imóvel locado a partir da data de início da locação, ou seja, quando as chaves forem disponibilizadas.

 

Em se tratando de prédio e condomínio, antes que a mudança seja feita, é importante que o inquilino que está em trânsito comunique com antecedência a secretaria do condomínio e consulte o Regimento Interno.

 

O próprio processo de fazer a mudança pode ser uma fonte de preocupações e transtornos, se não for realizado de forma planejada e organizada. Pode-se perder ou quebrar um objeto de valor, riscar a parede do corredor com os móveis, inclusive ter o caminhão mandado de volta por estar fora do horário permitido pelo condomínio. Portanto, fique atento.

 

No site da iAluga, na aba condomínios você tem acesso aos números de Telefones das respectivas administradoras de condomínio, para que você possa entrar em contato e agendar o melhor horário dentro das possibilidades de ambas as partes, para que tudo ocorra de maneira tranquila e agradável.

 

Lembre-se, você só poderá entrar no imóvel de posse da cópia do contrato de locação e da autorização de entrada no imóvel emitida pela iAluga, qualquer problema entre em contato conosco.

 

DÚVIDAS DURANTE O PROCESSO DE LOCAÇÃO

 

Eu posso negociar diretamente com o proprietário?

 

Nós da iAluga fazemos toda a mediação de negociação sua com o proprietário, de forma que, todo o contato com o proprietário do imóvel será sempre por intermédio da iAluga, deste modo tornamos tudo mais seguro, pois registramos todas as mediações e estas ficam registradas em nossos arquivos, assim você poderá acessar seu histórico de mediações sempre que for necessário.

 

Nós da iAluga estamos sempre aqui para auxiliá-lo no que for preciso, portanto, se alguma questão ainda não foi resolvida, entre em contato conosco que vamos conversar com o proprietário do imóvel e resolver o que for preciso para sua maior comodidade.

 

O que fazer se o imóvel precisar de reparos?

 

Uma das obrigações do locador é entregar o imóvel com condições que o eleja como habitável, ou seja, que ele sirva ao uso a que se destina. De forma que orientamos o proprietário do imóvel a providenciar reformas ou manutenções para o reparo ou concerto de defeitos já existentes no imóvel no momento da locação.

 

Portanto, se você inquilino ainda assim encontrar defeitos no imóvel que possibilite o seu uso de forma adequada, solicitamos que você faça um relatório detalhado dos problemas encontrados, anexe a ele fotos e vídeos e nos encaminhe pelo e-mail reparos@ialuga.com.br .  Nós da iAluga analisaremos seu caso e retornaremos a você com as devidas instruções.

 

OBS: Você inquilino não pode simplesmente fazer o conserto e enviar a conta para a iAluga ou para o proprietário. Primeiro você deve entrar em contato com a iAluga e aguardar as instruções. É claro que o proprietário até pode autorizar, mas isso deve ser previamente autorizado pela iAluga após contato com o proprietário.

 

Dentro deste contexto de reparos e manutenções, o que é de responsabilidade do proprietário e o quais são as do inquilino?

 

O proprietário deve se responsabilizar pelas reformas e manutenções referentes à estrutura, por exemplo, manutenção necessária ao telhado, às paredes e aos muros, infiltrações e defeitos na rede elétrica, e danos causado por ações da natureza, como chuvas e tempestades.

 

Ao inquilino, de acordo com a Lei de Locação, é obrigação do mesmo o reparo de quaisquer danos provocados por ele ou por terceiros durante a vigência do contrato de locação. Independentemente de serem intencionais ou decorrentes de mau uso, esses danos devem ser reparados pelo inquilino e não pelo proprietário. É de responsabilidade do inquilino também as manutenções necessárias ao uso do imóvel, uma vez que a conservação do bem é sua obrigação.

 

OBS: O inquilino deve restituir o imóvel no estado em que o recebeu, de acordo com o termo de vistoria. Assim, qualquer interferência sem prévia autorização do proprietário deve ser desfeita, bem como quaisquer depredações ou estragos precisam ser reformados. O imóvel deve ser devolvido como estava quando foi alugado.

 

Na assistência protetiva, além do seguro contra incêndio, eu tenho direito à assistência imobiliária, como faço para acioná-la?

 

A assistência imobiliária dá a você direito a serviços de chaveiro, eletricista e encanador. Estes serviços devem ser utilizados em situações de emergência e por isso não cobrem trocas de peças ou serviços definitivos.

 

A Tókio Marine oferece assistência imobiliária a todos os inquilinos da iAluga, estes serviços contemplam encanador, eletricista e chaveiro para situações de emergência. Para acionar os serviços você deve ligar para este número 0800143002 e informar o CPF do titular ou nome completo.

 

Se o imóvel que eu aluguei precisar de reparos, eu posso negociar com o proprietário para ser reembolsado depois?

 

Se o imóvel que você locou precisar de reparos você deve fazer um relatório  detalhado dos problemas encontrados, anexe a ele fotos e vídeos e nos encaminhe pelo e-mail reparos@ialuga.com.br . Como você tem intenção de fazer os reparos para ser reembolsado depois pelo proprietário, nós da iAluga faremos a mediação com o mesmo e caso ele aceite, informaremos a você ou lhe daremos informações de como resolver.

 

Como funciona o processo de reembolso de reparos e/ou benfeitorias realizadas no imóvel com autorização do proprietário por intermédio da iAluga?

 

Se o proprietário do imóvel aceitou a negociação, por intermédio da iAluga, que você faça os reparos e/ou benfeitorias para ser reembolsado depois, a forma de reembolso se dá da seguinte forma:

 

Para comprovantes de pagamento e processos finalizados até o dia 17 do mês corrente, o reembolso se dará na fatura do próximo mês com vencimento sempre no dia 10 de cada mês.

 

Para os comprovantes e processos finalizados após o dia 17 do mês corrente, o reembolso se dará na fatura do aluguel com vencimento no dia 10 do mês subsequente.

 

OBS1: Se for necessário que o reembolso aconteça no início do processo de locação, esclarecemos que precisamos descontar do proprietário nossa taxa de corretagem e de administração do imóvel, descontos estes que são priorizados, e caso não haja saldo suficiente para o reembolso do reparo e /ou benfeitoria realizado por você inquilino para ser descontado na fatura do aluguel, o reembolso será realizado no mês subsequente.

 

OBS2: Reparos e ou/benfeitorias realizadas no imóvel sem a autorização do proprietário e sem a mediação da iAluga não tem garantia de reembolso.

 

FATURAS / PAGAMENTOS – COMPREENDA COMO FUNCIONA SUAS CONTAS E SEU ALUGUEL NA HORA DE PAGAR.

 

Qual a data de pagamento do meu aluguel?

 

O vencimento do seu aluguel é sempre no dia 10 de cada mês, denominado “dia do vencimento”, mas o aluguel é sempre contado do dia 1 ao dia 28, 30 ou 31 de cada mês, e se o seu contrato de locação passou a ter vigência depois do dia 1 você paga o valor proporcional aos dias de locação.

 

Por exemplo, se você no primeiro mês de fatura morou no imóvel somente 20 dias, no dia 10, dia do vencimento da fatura, você irá pagar somente 20 dias.

 

Quando é disponibilizado para mim a fatura do meu aluguel?

 

Sua fatura de aluguel é disponibilizada todo mês, através de boleto bancário, com vencimento sempre no dia 10 de cada mês, e são enviados com até 05 dias de antecedência.

 

O boleto iAluga é enviado por e-mail e também é disponibilizado na área “Minha Fatura” no site da iAluga.

 

Para boletos de condomínio, o mesmo segue a regra de cada administradora de condomínio, geralmente você os recebe por e-mail ou correios.

 

Em relação à data de vencimento, isso também varia de acordo com cada administradora. Caso você não receba seu boleto, deverá entrar em contato com a empresa que faz a administração de condomínio do imóvel onde você reside. Você encontra o contato da administradora no site da iAluga, no menu, na área “Minha Fatura/administradoras de condomínios.

 

O primeiro boleto referente à fatura de condomínio é pago pelo proprietário e você só paga no primeiro mês o valor proporcional aos dias de vigência do contrato. A partir do segundo mês, o valor total da fatura de todos os boletos de condomínio deve ser pago por você inquilino.

 

OBS: Se a Administradora do seu condomínio mudar nos informe através do e-mail adm@ialuga.com.br .

 

O que contém na fatura do meu aluguel

 

Na fatura do seu aluguel contém:

 

Aluguel – referente ao mês atual.

 

Assistência imobiliária – a assistência imobiliária contempla o seguro incêndio (que deve ser pago por você inquilino) e oferece gratuitamente a você os serviços de emergência para encanador, eletricista e chaveiro para situações emergenciais. O pagamento pelo prêmio do seguro contra incêndio é de responsabilidade do inquilino. .

 

O IPTU é pago pelo proprietário do imóvel e a cobrança deste encargo é repassado a você em 12 parcelas mensais.

 

OBS1: os reembolsos serão sempre lançados em sua fatura na forma de reembolsos, seja ele descontos, acordos ou alguma despesa cobrada no valor do condomínio que seja de obrigação do proprietário. Caso alguma despesa indevida ao condomínio for cobrada tire uma foto do boleto e do comprovante de pagamento e envie para nós através do e-mail encargos@ialuga.com.br

 

OBS2: Sua fatura pode ser paga através do aplicativo do seu banco, em qualquer agencia bancária ou casas lotéricas.

 

OBS3: o tempo de confirmação do pagamento pode ser de até três dias úteis.

 

OBS4: Se a data de vencimento da fatura do seu aluguel cair em algum feriado ou fim de semana, você pode realizar o pagamento no próximo dia útil.

 

OBS5: Se você atrasar o pagamento do seu aluguel, você pode emitir a segunda via do seu boleto com os valores e data de vencimento atualizados.

 

OBS6: Preste atenção nas datas de vencimento das contas de consumo que estão inclusas na fatura do seu condomínio. Evite atrasar para que os serviços não sejam suspensos.

 

Quais são as despesas que podem vir na minha fatura de condomínio, mas que são de responsabilidade do proprietário?

 

Despesas extraordinárias são sempre de responsabilidade do proprietário do imóvel, as mais comuns são obras de reforma ou ampliação da estrutura integral do imóvel; pintura das fachadas, iluminação e esquadrias externas; e instalações de equipamentos de segurança e incêndio. Elas costumam se apresentar da seguinte forma: Fundo ou Rateio de Obras, Fundo de Reserva, Fundo de Melhorias, Fundo de Benfeitorias, Fundo de Inadimplência, Rateio Extra e Rateio de Equipamentos.

 

Como solicito o reembolso de valores que são de responsabilidade do proprietário, na fatura do condomínio?

 

O boleto do condomínio deve ser pago de forma integral pelo inquilino, caso haja alguma despesa extraordinária, de responsabilidade do proprietário, você deve enviar uma foto do boleto e do comprovante de pagamento e nos enviar através do e-mail encargos@ialuga.com.br . Se for confirmado a cobrança que é de responsabilidade do proprietário, na próxima fatura será lançado um desconto no valor das despesas que foram pagas e são de responsabilidade do proprietário.

 

 Qual o índice utilizado para fazer os reajustes de aluguel?

 

O IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), é o índice de referência usado para fazer os reajustes dos contratos de aluguel atualmente.  A base utilizada é o IGP-M acumulado em todo o ano anterior, e não apenas as taxas do mês escolhido para a efetivação da correção, ou seja, o cálculo considera os índices dos últimos 12 meses, portanto, o valor de aluguel pode aumentar ou diminuir. 

 

 Data e forma de recebimento do boleto do aluguel

 

Suas faturas/boletos de aluguel são sempre enviadas para o seu e-mail e também é disponibilizado no menu do site da iAluga, na área “Minha Fatura”.

 

Cobrança do primeiro aluguel

 

Lembrando que, a primeira fatura/boleto do primeiro mês de entrada (aluguel e despesas condominiais) você só paga no primeiro mês de entrada o valor proporcional aos dias de vigência do contrato.  A partir do segundo mês, o valor total da fatura de todos os boletos deve ser pago em sua totalidade por você inquilino.

 

Posso alterar a data de vencimento do meu aluguel

 

Não. Padronizamos uma data, todos os vencimentos são no dia 10 de cada mês.

 

Boletos do condomínio

 

Com exceção do primeiro mês do contrato de locação, onde o pagamento é proporcional aos dias em que o inquilino está morando no imóvel, o pagamento das despesas condominiais a partir do segundo mês é de responsabilidade total do inquilino e deve ser pago pelo mesmo.

 

OBS: Caso o boleto pago tenha despesas extraordinárias, que são de responsabilidade do proprietário, o inquilino deve entrar em contato com a iAluga para que o ressarcimento possa ser feito na próxima fatura através do e-mail encargo@ialuga.com.br 

 

Boleto da iAluga

 

Caso não receba o boleto enviado pela iAluga para o seu e-maill com até dois dias de antecedência do pagamento do aluguel, entre em contato com a iAluga através do e-mail fatura@ialuga.com.br .

 

 Se eu atrasar o aluguel tem multa?

 

Tem sim. A multa por atraso é de 10% e está em conformidade com o Código Civil/2002 e com a regulamentação vigente no Art. 9 da Lei de Usura - Decreto 22626/33, que limita tal penalidade a 10%.

 

Para você entender melhor descrevemos abaixo informações a respeito das despesas ordinárias e extraordinárias dos condomínios.

 

Despesas ordinárias - são aquelas destinadas à manutenção do dia a dia do condomínio, inclusive aquelas empregadas na manutenção dos equipamentos e instalações provenientes das despesas extraordinárias. As despesas ordinárias são de responsabilidade do inquilino. Estas são algumas das despesas que podem ser lançadas na sua fatura de condomínio: Pintura de partes comuns, despesas regulares com funcionários (salários, encargos), consumo de água, luz, gás, Impostos, manutenção de elevador, piscina, jardim etc.         Material de limpeza, honorários de administradora, prêmios de seguros, uso dos serviços do condomínio, Telefone de uso coletivo, cotas condominiais, correções na fatura, fundos para manutenção.

 

Despesas extraordinárias - São aquelas que se referem a benfeitorias que interessem à estrutura integral do imóvel, e são de responsabilidade do proprietário. Estas são algumas das despesas extraordinárias que podem ser lançadas na sua fatura de condomínio: Acordos, pintura de fachada, documentações e laudos, indenizações trabalhistas, reformas e ampliações do imóvel, instalação de novos sistemas de segurança, economia e lazer; projetos de paisagismo e decoração, Fundo de obras, Fundo de reserva, Fundos para inadimplência e indenização, Fundos para melhorias, Rateios para reparos e melhorias.

 

VISTORIA DO IMÓVEL

 

O que é e para que serve a vistoria do imóvel?

 

A vistoria nada mais é do que uma verificação do estado de conservação do imóvel que será alugado através do contrato de locação, seja para fins residenciais ou comerciais, redigido através de um laudo de vistoria na forma descritiva e fotográfica, de forma que sejam detalhadas as condições do imóvel e se verifique as condições de habitação do mesmo. A vistoria serve para garantir ao proprietário do imóvel que o mesmo será entregue no final do contrato de locação nas mesmas condições em que o você inquilino o encontrou no primeiro dia de locação.

 

A vistoria de entrada é realizada até quatro dias antes da entrada do inquilino no imóvel.

 

A vistoria de saída é realizada somente no final da locação, depois da saída do inquilino do imóvel.

 

Quem realiza a vistoria no imóvel?

 

A vistoria do imóvel é realizada pelo próprio proprietário ou por alguém autorizado por ele ou enviado por nós da iAluga, através de um aplicativo completo, que contempla todas as fazes de uma vistoria de excelência. E você inquilino não precisa se preocupar com isso, pois nó encaminharemos a você o laudo de vistoria, juntamente com as fotos em anexo, via e-mail, para que você faça a sua análise, dê o seu aceite ou faça suas considerações caso achar necessário.

 

O que é apontado, alistado, anotado na vistoria do imóvel?

 

Na vistoria é anotado as condições nas quais o imóvel se encontra. A vistoria é dividida por cômodos e são avaliados itens como:

 

Infraestrutura do imóvel – parte elétrica e hidráulica, pisos e forros, pintura e revestimento, portas e janelas;

 

Confere mobília e objetos que são de responsabilidade do proprietário, armários, estantes e gabinetes e os detalhes de conservação e funcionamento sobre cada um desses itens, tais como utensílios, louças e eletrodomésticos deixados no imóvel.

 

Chuveiros, pias, torneiras, vasos sanitários, box;

 

Iluminação, interruptores, tomadas, disjuntores;

 

OBS1: Utensílios, louças e eletrodomésticos, chuveiros e tomadas é responsabilidade do inquilino testá-los e na vistoria de saída a responsabilidade de testá-los é do proprietário. Se você inquilino encontrar algum problema nestes itens deve anotar no laudo de vistoria encaminhado a você por e-mail, no campo, divergências/anotações.

 

OBS2: O registro de quantidades de utensílios, louças e eletrodomésticos, chuveiros é responsabilidade do proprietário do imóvel, que deverá anotar se assim achar necessário.

 

O que deve ser analisado pelo inquilino ao receber o laudo de vistoria?

 

O laudo de vistoria é encaminhado a você locatário, via e-mail e WhatsApp logo após a assinatura do contrato do imóvel locado. Após o encaminhamento, você inquilino terá um prazo de 05 dias úteis para analisar o laudo de vistoria e fazer suas considerações caso ache necessário.

 

A vistoria analisa as condições de conservação e habitação do imóvel, por isso é importante que você inquilino confira o laudo de vistoria encaminhado a você pela iAluga e faça as considerações dentro do prazo caso alguma coisa esteja em desacordo como o que foi enviado, pois este laudo será utilizado para comparação com o laudo de vistoria final quando findar o contrato de locação e/ou você não tiver mais interesse em ficar no imóvel.

 

Neste laudo você deve observar as instalações elétrica (voltagem, tomadas, Iluminação, interruptores, disjuntores; certifique-se da funcionalidade de todos eles) e hidráulica (verifique todas as saídas de água, torneiras, duchas. Duchas higiênicas, descargas, válvulas hídricas, sifões, verifique se não há vazamento), pisos e forros, pintura e revestimento, portas e janelas (abra todas elas, veja se não está emperrando, certifique-se da qualidade dos vidros); deve conferir a mobília (portas e gavetas de armários, pias, gabinetes e guarda roupas e closets, verifique se os sofás – camas estão abrindo, se os sofás e colchões/colchonetes apresentam manchas, furos, rasgos), certifique-se do aquecimento dos chuveiros e torneiras elétricas, verifique se é a gás ou a energia elétrica, o problema pode estar no fornecimento de gás/aquecedor/ligamento da energia elétrica. Veja se o aquecedor está funcionando, verifique se o fornecimento de gás para o imóvel está regular e se o registro do mesmo está funcionando. Teste os aparelhos de ar condicionado, verifique se está resfriando ou esquentando para aqueles que tem as duas funcionalidades, verifique se o controle está funcionado (pilhas) e se tem vazamentos. Veja se os vasos sanitários estão dando descarga, certifique-se de que as válvulas estão funcionando corretamente.

 

 Atenção às considerações realizadas na vistoria por você inquilino

 

As considerações realizadas pelo inquilino na etapa de análise do laudo de vitória irão compor o laudo final, documento que descreve as condições do imóvel no início e/ou fim da locação. Por isso é importante que você faça considerações a respeito do mau funcionamento de alguma coisa no imóvel. Quando este for o caso, solicitamos que anexe as fotos do que diverge do laudo de vistoria ou do mal funcionamento de alguma coisa no imóvel, para que ilustre a consideração que está sendo feita a fim de comprovação e validação.

 

E se você tiver alguma dúvida, fale conosco através do Telefone, chat, e-mail ou WhatsApp.

 

 Vistoria de entrada e saída do imóvel

 

Na vistoria de entrada você deve fazer uma análise do imóvel recebido em comparação com a vistoria enviada a você inquilino e apontar qualquer informação divergente é de suma importância pois o imóvel deve ser devolvido ao proprietário nas mesmas condições em que você inquilino o encontrou. Por isso você deve testar o funcionamento das instalações e dos equipamentos que se encontram no imóvel.

 

Na vistoria de saída você deve deixar o imóvel nas mesmas condições em que o encontrou no início da locação. O laudo de vistoria de entrada será usado como quadro comparativo quando da realização da vistoria de saída, visando apontar possíveis danos e irregularidades surgidas ao longo do período de locação. Para te auxiliar examine o laudo de vistoria de entrada, isso o ajudará a fazer um comparativo e verificar se está tudo ok.

 

MINHA FATURA DETALHADA

 

Cobranças realizadas no meu boleto

 

As cobranças realizadas no seu boleto se referem às despesas de:

 

Aluguel: valor cobrado pela cedência do uso e gozo do imóvel, por tempo e preço determinados, conforme contrato de locação.

 

IPTU: o valor total deste imposto é parcelado em 12 vezes e incluso no seu boleto. Você só paga pelos meses correspondentes ao seu período no imóvel.

 

Assistência imobiliária: a assistência imobiliária, no que condiz à utilização de chaveiro, encanador e eletricista em situações de emergência é gratuito. O seguro incêndio compõe a assistência imobiliária, e este não é gratuito, para todos os contratos fechados a vigência do seguro incêndio é automática e cobrada mensalmente no seu boleto juntamente com o valor do aluguel e IPTU

 

Condomínio: no primeiro mês de locação, no primeiro boleto do aluguel, além das outras despesas descritas acima (aluguel, IPTU, seguro incêndio), no seu boleto também virá a cobrança proporcional aos dias utilizados do condomínio. A partir do segundo mês, o mesmo é enviado pela administradora de cada condomínio, é de responsabilidade do inquilino e deve ser pago pelo mesmo. OBS: caso o boleto pago tenha despesas extraordinárias, que são de responsabilidade do proprietário, o inquilino deve entrar em contato com a iAluga através do e-mail encargo@ialuga.com.br  para que o ressarcimento possa ser feito na próxima fatura.

 

Outras despesas: são possíveis acordos de reembolsos ou descontos combinados e autorizados previamente.

 

VOU SAIR DO IMÓVEL

 

Como faço para reincidir o contrato de locação?

 

A primeira etapa é nos enviar um e-mail para adm@ialuga.com.br  informando-nos o seu desejo em reincidir o contrato de locação.

 

Enviaremos a você um termo de intensão de rescisão de contrato de locação via Câmara de Contratos, para que seja assinado digitalmente.

 

Agendaremos a vistoria de saída do imóvel no dia da sua desocupação do imóvel, para que possamos confrontar com a vistoria de entrada no imóvel.

 

Você deve nos enviar por e-mail todos os comprovantes de pagamentos de água, luz e gás (que não estão inclusos no condomínio).

 

Após a vistoria de saída do imóvel, a mesma será enviada ao proprietário do imóvel que terá um prazo de 05 dias úteis para avaliação e comparação com a vistoria de entrada, e, parecer sobre as condições em que se encontra o imóvel.

 

Após a análise do proprietário, enviaremos a você as considerações junto com a vistoria de entrada e de saída, para que no prazo de 05 dias úteis você possa fazer suas análises e dizer se concorda ou não com o que foi relatado.

 

Se for aprovada a vistoria de saída, enviaremos a você o Termo de Rescisão de Contrato e o Termo de Devolução das Chaves para assinatura digital, que formaliza a rescisão do contrato de locação e a devolução da posse do imóvel ao proprietário.

 

Caso seja necessário fazer algum reparo, podemos negociar com o proprietário para que este reparo seja realizado por você ou para que você repasse os valores referentes aos reparos.

 

Realizados os reparos, se existentes, enviaremos a você por e-mail o laudo de vistoria de saída, que descreve que o imóvel entregue está em conformidade com a vistoria de entrada.

 

OBS: Somente após o encerramento de todas estas etapas é que o processo de rescisão se dará por encerrado. Portanto, fique atento aos pagamentos de água, luz, gás, condomínio, aluguel, multa rescisória, reparos.  Eles são imprescindíveis no encerramento do processo de rescisão.

 

Em que dia posso deixar o imóvel? Como devo deixa-lo?

 

A partir da data de solicitação de rescisão de contrato de locação você tem 30 dias para desocupar o imóvel. Caso você não consiga se organizar para deixar o imóvel neste prazo, será cobrado aluguel proporcional aos dias em que você continuar no imóvel.

 

O imóvel deve ser entregue nas mesmas condições em que você o recebeu, conforme vistoria de entrada.

 

OBS: Você terá que pagar o aluguel e demais despesas relacionadas a ele até o término dos 30 dias a partir da solicitação de rescisão do contrato de locação. Caso

 

Como é cobrada a multa rescisória?

 

A multa rescisória corresponde a três vezes o valor mensal do aluguel se a rescisão ocorrer dentro dos primeiros 12 meses do contrato. Após o período de 12 (doze) meses de vigência do contrato, o pedido de rescisão imediata pelo Locatário sem ter expirado o prazo de 30 (trinta) dias da notificação acarretará na incidência da multa rescisória no valor de 1 (um) aluguel vigente à época do acontecimento.

iAluga

44 3266-3348
Locação I Vendas
44 98822-2337
Locação I Vendas
44 98859-2750

iAluga

Locação I Vendas
44 98859-2750
|